sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

JÁ ESTÁ: O TÃO ESPERADO ACORDO ENTRE AS AUTORIDADES BISSAU-GUINEENSE E A COMPANHIA AÉREA EUROATLANTIC JÁ FOI ASSINADO E O PRIMEIRO VOO LISBOA/BISSAU/LISBOA TERÁ LUGAR A 14 DE NOVEMBRO PRÓXIMO. VIIIIVAAAAAAAAA!!!!!!! O PAÍS ESTÁ DE PARABÉNS POR TER CONSIGO ENCONTRAR UMA SOLUÇÃO PARA UMA SITUAÇÃO QUE PARECIA DIFICIL ...

MINISTRA DA JUSTIÇA ESTÁ A CAMINHO DE MÓNACO/FRANÇA PARA PARTICIPAR NA ASSEMBLEIA GERAL DA INTERPOL.



A Ministra da Justiça, Carmelita Pires deixou hoje o país com destino a Mónaco/França onde toma parte nos trabalhos da 83ª Sessão da Assembleia-geral da Interpol.

Os trabalhos começam no dia 3 de Novembro e terminam a 7 do mesmo mês, período durante o qual, Carmelita Pires e os demais convidados vão debater temas como, a “Evolução e o Desenvolvimento da Cooperação Policial Organizada”.

De acordo com o programa, os Ministros da Justiça dos países membros da Interpol, debatem ainda o tema, “Um século de Ação Comum Contra a Criminalidade Transnacional”.

“Vencer os Obstáculos na Cooperação Policial Nacional e Internacional, assim como Ameaças Criminosas Contemporâneas e Novos Engajamentos da Cooperação Policial”, são outros dos assuntos a merecer destaque na conferência de Mónaco, que arranca na próxima sexta-feira.

A Ministra da Justiça faz-se acompanhar nesta deslocação pelo Diretor Nacional da Interpol, Dr. Martinho Saliu Camará. 


PÁ MITI MON NA LAMA, SON TARBADJU KUNA KUMPU TERRA .... PIRGUIÇA KA TEM, NIM FERIADO FALSU ....



MINISTÉRIO DA FUNÇÃO PÚBLICA E REFORMA ADMINISTRATIVA

COMUNICADO À IMPRENSA

Por Decreto nº 1/2002 de 6 de Maio, foram aprovados dias considerados feriados nacionais obrigatórios, por se reportarem acontecimentos notáveis nos planos históricos e religiosos, no qual não consta o Dia 2 de Novembro, Dia da manifestação íntima da solidariedade com os entes queridos.

Assim, apesar de reconhecer a importância que a data representa para os cristãos, o governo, através do Ministério da Função Pública e Reforma Administrativa comunica à todos os funcionários da Administração Central, local e dos Institutos Públicos, a comparecerem nos seus postos de trabalho na Segunda-feira, 3 de Novembro, porque não haverá TOLERÂNCIA DE PONTO nesse dia, porque o dia 2 de Novembro (Domingo) não coincide com o dia útil da semana em que habitualmente é concedida a tolerância de ponto.

Bissau, 31 de Outubro de 2014

O MINISTRO
Engº  Admiro Nelson Belo

A NOSSA CAPITAL E QUASE TODO O PAÍS JÁ ESTÁ AGITADO COM MUITA DIGRESSÃO DE FAMILIARES EM DIREÇÃO AOS CEMITÉRIOS A POREM ORDEM E BELEZA NAS CAMPAS DOS ENTES QUERIDOS JÁ FALECIDOS. AMANHÃ É O DIA DE TODOS OS SANTOS E LOGO DEPOIS NO DOMINGO, O DIA DOS FIEIS DEFUNTOS. QUE DEUS OS TENHA EM PAZ NA GLÓRIA.

GREVE SETOR JUDICIAL: O SINDICATO NACIONAL DOS OFICIAS DE JUSTIÇA MANDATOU TODOS OS SOCIOS A SUSPENDEREM TODAS AS ATIVIDADES DAS SECRETARIAS JUDICIAIS E PRIVATIVAS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DURANTE O DIA DE HOJE (31 DE OUTUBRO), EM CONSEQUÊNCIA DE NÃO AGENDAMENTO PARA EFEITO DE DISCUSSÃO E EVENTUAL APROVAÇÃO PELA ANP, DO PROJETO DE LEI DE ESTATUTO REMUNERATÓRIO DA CLASSE (OFICIAS DE JUSTIÇA).

O Presidente do Sindicato em causa, Dr. Duarte Ocunami já veio a dizer que a situação é de extrema gravidade para a classe e, que a situação terá que ser urgentemente revista antes que provoque mais reivindicações.

No Projeto de "Ordem do Dia" da 1ª Sessão da ANP do ano legislativo 2014/2015 a que o "PN" aqui divulgou, está agendado sim no 13º ponto, a "Apresentação, discussão e eventual aprovação do projeto de lei de Estatuto Remuneratório dos Magistrados Judicias e do Ministério Público.

E com razão, a classe dos Oficias de Justiça ficaram mal com isso!!! VAMOS CONVERSAR E ENCONTRAR UMA SOLUÇÃO PACÍFICA PARA O PROBLEMA ... DEVEMOS ELEGER O DIÁLOGO PARA A BUSCA DE SOLUÇÃO DOS NOSSOS PROBLEMAS!!!!

COMO AVANÇAMOS A POUCO O PRIMEIRO MINISTRO DE TRANSIÇÃO E O SEU MINISTRO DOS TRANSPORTES E TELECOMUNICAÇÕES, RUI BARROS E ORLANDO MENDES VIEGAS RESPETIVAMENTE ACABARAM DE SER OUVIDOS NUMA AUDIENCIA DE ACARREAÇÃO NA VARA-CRIME DA DELEGACIA DO MINISTÉRIO PÚBLICO JUNTO AO TRIBUNAL REGIONAL DE BISSAU.

Assunto: Espancamento de que foi alvo o então Ministro de Estado dos Transportes e Telecomunicações, Orlando Mendes Viegas.

Declarações após a acarreação:

-- Rui Duarte Barros, avançou que foi convocado como testemunha do caso, já que na altura exercia o cargo de Chefe de Governo de Transição.

-- Orlando Mendes Viegas (Vítima do brutal espancamento), disse apenas que tudo está sob segredo de justiça e praticamente nada avançou, nem sobre as motivações da sua agressão, muito menos de eventuais implicados na surra que levou em Novembro de 2013 e que o deixaram com sequelas até hoje....

BURKINA FASO: VIVE MOMENTOS DE INCERTEZA POLÍTICA. ALGUNS CANAIS DE INFORMAÇÃO NOTICIAM QUE O PRESIDENTE COMPAORÉ CAIU E OUTROS DIZEM QUE AINDA NÃO RENUNCIOU AO PODER E QUE ESTÁ FIRME NO CARGO.

O PRIMEIRO MINISTRO DE TRANSIÇÃO, RUI DUARTE BARROS E O SEU MINISTRO DOS TRANSPORTES E TELECOMUNICAÇÕES, ORLANDO MENDES VIEGAS VÃO SER OUVIDOS HOJE NO TRIBUNAL REGIONAL DE BISSAU SOBRE O CASO APGB. E O ENTÃO DIRETOR-GERAL, AUGUSTO KABI POR ONDE ANDA????? SÓ DEUS SABE NÃO É. DEVE ESTAR PELAS ZONAS DE OLOF INDJAI!!!

TANAMU FENHI: TAP RONKA TÉÉÉÉÉÉ, GOSSI UTRU NA TOMA SI LUGAR, ASSIM KI VIDA ... ESCOLA DI NHU MANINHO, LEVANTOU, SENTOU. NESTE CASO, NÃO QUER LEVANTAR O VOO PARA A GUINÉ-BISSAU, OUTRO VAI FAZÊ-LO COM TODA A VONTADE!!!!!!!

SAÚDE: MUITOS TÉCNICOS DE SAÚDE NO PAÍS SERÃO SUBMETIDOS AMANHÃ A UMA AÇÃO DE FORMAÇÃO EM MATÉRIA DE PREVENÇÃO DO VÍRUS ÉBOLA E DO USO DE EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO CONTRA O VÍRUS MAIS MORTAL DOS ÚLTIMO ANOS. A AÇÃO DE FORMÇÃO VAI SER MINISTRADA PELOS TÉCNICOS GUINEENSES E DAS NAÇÕES UNIDAS (UM AMERICANO) QUE ESTÁ NO PAÍS.

GESTO DE SOLIDARIEDADE: O MINISTRO DOS RECURSOS NATURAIS, DANIEL GOMES, ESTÁ A CAMINHO DA CIDADE NORTENHA DE FARIM PARA APRESENTAR AS AUTORIDADES LOCAIS E A POPULAÇÃO DE FARIM A MENSAGEM DE SOLIDARIEDADE DO GOVERNO DE DOMINGOS SIMÕES PEREIRA POR OCASIÃO DA CELEBRAÇÃO AMANHÃ, 1 DE NOVEMBRO, DE MAIS UM ANIVERSÁRIO DO FATÍDICO ACONTECIMENTO ONDE VÁRIAS PESSOAS MORRERAM E MUITAS FICARAM FERIDAS. A DATA REMONTA A ÉPOCA COLONIAL.

quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

BLAISE CAMPAORÉ DEVIA TER VERGINHA E DEMITIR-SE. QUELLE HONTE MONSIEUR CAMPAORÉ

Os pretos não apreendem mesmo. Com tantos exemplos pela Africa de que isso não funciona
continuamos a ter macacos em Africa a quererem mudar a constituição para se eternizarem
no poder. Carakulés pá! Fogo! Preto é casmurro pá. Ta bom bá é panhal é findil rabo.

RESOLUÇÃO FINAL DA REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DO CONSELHO DE MINISTROS DA CPLP - BISSAU OUTUBRO DE 2014



XIII REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DO CONSELHO
DE MINISTROS DA COMUNIDADE DOS PAÍSES DE
LÍNGUA PORTUGUESA

Bissau, 29 de outubro de 2014

COMUNICADO FINAL

Os Ministros das Relações Exteriores e dos Negócios Estrangeiros da República de Angola, da República de Cabo Verde, da República da Guiné-Bissau, da República Portuguesa e da República Democrática de Timor-Leste, e o Vice-Ministro da República de Moçambique, o Subsecretário-Geral Político para a África e Oriente Médio da República Federativa do Brasil, o Representante da República Democrática de São Tomé e Príncipe junto da CPLP e o Conselheiro Diplomáticoda República da Guiné Equatorial, reuniram-se em Sessão Extraordinária do Conselho de Ministros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), em Bissau–República da Guiné-Bissau, no dia 29 de Outubro de 2014.

Estiveram também presentes, como convidados, o Representante do Presidente da Comissão da Comunidade dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) e Representante Especial na Guiné-Bissau, o Representante Especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para a Guiné-Bissau, o Representante da União Africana na Guiné-Bissau, o Representante da União Europeia na Guiné-Bissau e o Presidente da Comissão para a Consolidação da Paz das Nações Unidas e da Configuração Específica para a Guiné-Bissau.

O Conselho de Ministros reunido na sua XIII Sessão Extraordinária, presidido por S. Excelência o Ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação de Timor-Leste:

1-    Saudou a determinação clara e inequívoca do povo da Guiné-Bissau, manifestada massivamente a quando da realização das eleições gerais e presidenciais, dos passados meses de abril e maio, que permitiu o regresso à legalidade constitucional interrompida pelo golpe de estado de 12 de abril de 2012.

2-   Tomou boa nota da apresentação feita por Sua Excelência o Primeiro-Ministro da Guiné-Bissau sobre a situação política e os desafios dagovernação,que o país enfrenta, nos processos de consolidação da estabilidade, reformas do Estado e mobilização da ajuda internacional para a reconstrução económica e o combate àpobreza. Notou, com agrado, a evolução da situação sociopolítica na Guiné-Bissau, não obstante a fragilidade ainda existente e as enormes dificuldades técnicas e financeiras que as autoridades recém-eleitas enfrentam, com vista ao restabelecimento da confiança abalada no passado recente e à legitimação social da governação.

3-   Congratulou-se com o relato verbal do Representante Especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para a Guiné Bissau, do Representante da União Africana, do Representante do Presidente da Comissão da CEDEAO, do Representante da União Europeia e do Presidente da Comissão para a Consolidação da Paz das Nações Unidas e da Configuração Específica para a Guiné-Bissau, que enalteceram e encorajaram os passos significativos que o país tem dado no processo de estabilização, na melhoria da governação e no diálogo político interno.

4-      Saudou a formação de um Governo inclusivo, o que constitui um manifesto sinal de tolerância e espírito de Unidade Nacional. 

5-      Considerou que o balanço dos primeiros cem (100) dias de governação das actuais autoridades demonstra coerência nas decisões e aponta as bases para uma governação séria, e encorajou o Governo a prosseguir as reformas, visando a estabilidade política, económica e social, bem como a consolidação do Estado de Direito Democrático e a proteção e promoção dos direitos civis, políticos, económicos, sociais e culturais de todos os guineenses, condições essenciais para a paz, estabilidade e desenvolvimento duradouros.

6-      Reiteroua importância da cooperação da CPLP com os parceiros internacionais da Guiné-Bissau, nomeadamente a CEDEAO, a União Africana, a União Europeia e as Nações Unidas e apelou ao aprofundamento dessa cooperação. 

7-      Congratulou-se com a assinatura dos Memorandos de entendimento entre a CPLP e a União Africana, e entre a CPLP e a CEDEAO, que estabelecem as grandes linhas de colaboração visando a promoção da paz e segurança, a governação democrática e dos direitos Humanos, a promoção do desenvolvimento, da educação e conhecimento científico e tecnológico, a irradicação da fome e da pobreza, entre outros.

8-      Confirmoua necessidade da presença da CPLP em Bissau, tanto para o acompanhamento do período pós-eleitoral, como para promover a concertação e interacção com o Governo e os parceiros regionais e internacionais, incluindo a Organização das Nações Unidas, a CEDEAO a União Africana e a União Europeia, bem como os parceiros bilaterais em prol da assistência internacional ao processo de normalização política e institucionalda Guiné-Bissau.

Decidiu a abertura de uma Representação da CPLP em Bissau, financiada, inicialmente, por contribuições voluntárias dos Estados membros através do Fundo Especial da CPLP e a ser, logo que possível, incorporada no orçamento de funcionamento regular do Secretariado Executivo.

Constatou o estado precário do país, especialmente, nos domínios da saúde agravado pela ameaça da pandemia da ébola, da educação, da justiça e da administração pública no geral e decidiu criar um programa especial, que sirva de mecanismo de coordenação da cooperação dos vários Estados membros, com vista a apoiar, de forma mais eficaz, e que permita ao Governo da Guiné-Bissau fazer face às situações mais prementes do país naqueles sectores.

Encorajou as autoridades da Guiné-Bissau a acelerar o processo da normalização da vida política, económica e social do país, com vista a promover a coesão, condição essencial para a estabilidade e progresso do país.

Encorajou o Governo a prosseguir as reformas do sector de defesa e segurança tidas como cruciais para a manutenção da estabilidade na Guiné-Bissau, sublinhando, a este respeito, a importância da Comunidade internacional em apoiar as autoridades da Guiné-Bissau na implementação destas reformas, nos seus vetores técnico, financeiro e de condições de estabilidade.

Sublinhouo papel positivo que a ECOMIB desempenhou na manutenção da estabilidade. Encorajou as autoridades da Guiné-Bissau a concertarcom a CEDEAO, e outros parceiros africanos, o mandato de uma ECOMIB reconfigurada para apoiar a implementação das reformas.

Notou, ainda, as vantagens de tal mandato vir a ser reconhecido pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas para gerar confiança internacional no processo de reformas e facilitar o seu co-financiamento.

Reafirmou o papel relevante que a CPLP, em coordenação com os parceiros internacionais da Guiné-Bissau, deve desempenhar na concessão de apoio técnico ao país, considerando as facilidades proporcionadas pela língua comum e pelo modelo administrativo e a experiência dos seus Estados membros na cooperação com a Guiné-Bissau.

Recomendou à Reunião de Pontos Focais de Cooperação e ao Secretariado Executivo para ter em atenção as necessidades
prementes do país, no sentido de elaborar projectos e programas no domínio de segurança alimentar e nutricional, por via da campanha “Juntos contra a Fome” e da Estratégia de Segurança Alimentar e Nutricional da CPLP.

Saudou a iniciativa da revitalização do Grupo Internacional de Contacto (GIC), que constitui um quadro institucional de acompanhamento de acções e iniciativas levadas a cabo pelas autoridades da Guiné-Bissau, com vista a promover, encorajar e apoiar as melhores práticas de boa governação e o financiamento de programas de desenvolvimento.

Sublinhou, a este respeito, que o GIC deverá ter em conta a tomada de decisões, a curto prazo, pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas quanto à renovação e atualização do mandato do UNIOGBIS e reconhecimento do mandato da ECOMIB reconfigurada para apoiar as reformas do setor de segurança e defesa, e que aquele poderá ainda servir para mobilizar a Comunidade internacional para a Mesa-Redonda de Doadores da Guiné-Bissau a ter lugar no início de 2015.

Apelou, pois, à participação e coordenação dos Estados membros nas reuniões do GIC e nos órgãos das Nações Unidas para promover as posições da CPLP e apoiar a Guiné-Bissau.

O Conselho de Ministros saudou a República Democrática de São Tomé e Príncipe, a República de Moçambique e a República
Federativa do Brasil pela recente realização de eleições credíveis, livres e pacíficas.

O Conselho de Ministros saudou a eleição da República de Angola, como membro não permanente do Conselho de Segurança das Nações Unidas; e da República Portuguesa para o Conselho de Direitos Humanos.

O Conselho de Ministros endossou a candidatura da Senhora Ministra das Finanças e Planeamento de Cabo Verde, Dra. Cristina Duarte, ao cargo de Presidente do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), cuja eleição terá lugar em maio de 2015.

Os Ministros agradeceram as excelentes condições criadas pelo Governo da Guiné-Bissau para a realização desta Reunião.


Bissau, 29 de outubro de 2014

GOVERNO PROMETE 21 MEGAS DE ENERGIA

Isto segundo as nossas contas vai custar:

120.000 litros diários

100.000 EUROS por dia

Èss Governo na tira pidi fedi bô.

A EUROATLANTIC VAI FAZER CONCORRÊNCIA A TAP

Uma nova companhia aérea para tirar a TAP das suas manias de grandeza e de
neocolonialista. Torcemos para que esta nova companhia possa ultrapassar a
TAP. Não podemos continuar aceitar faltas de consideração.

ÚLTIMA HORA: BURKINA FASO VIVE MOMENTOS DE TENSÃO POLÍTICA:

Perante a onda de confrontos nas ruas, que causou já vários mortos, o presidente do Burkina-Faso anunciou que abandona o projeto de revisão constitucional.

Este projeto estava na base dos confrontos. Se fosse aprovado, permitiria ao presidente Blaise Compaoré disputar mais um mandato. Compaoré está no poder há 26 anos.

A medida foi anunciada na televisão (embora sem imagem, já que a estação estatal tinha sido vandalizada), mas só muito dificilmente vai conseguiu conter a ira da população, que quer o fim do poder de Compaoré.

Esta quarta-feira foi um dia particularmente violento. Antes de cercarem o palácio presidencial, os manifestantes tomaram de assalto o parlamento e saquearam a sede da televisão estatal.

Os confrontos centram-se na capital, Ouagadougou, mas estenderam-se já à segunda cidade do país, Bobo Dioulasso, onde a câmara municipal e a sede do partido do governo foram incendiadas.

Depois de tomar o poder por golpe de Estado em 1987, Compaoré foi eleito quatro vezes. A atual constituição estabelece um limite de dois mandatos presidenciais.

Noticias ainda não confirmadas, mas já avançadas por muitos canais de informação, dão conta de uma possível detenção do Presidente Compaoré quando tentava fugir do país e, também de que os manifestantes teriam incendiado a sede parlamentar. 

VIVA: O NOSSO POETA, MÚSICO E COMPOSITOR ATCHUTCHI (ADRIANO GOMES FERREIRA), TOMA POSSE ESTA TARDE, AS 17 HORAS, COMO NOVO PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE BISSAU.

ZÂMBIA: UM BRANCO ZAMBIANO DE PAI ESCOCÊS ASSUME A PRESIDÊNCIA INTERINA ATÉ AS ELEIÇÕES. A MEDIDA ESTÁ A GERAR POLÉMICA NESTE PAÍS, PORQUE FERI A CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA ZAMBIANA QUE SÓ ADMITE PARA ESTE CARGO CIDADÃOS FILHOS DE PAI E MÃE ZANBIANOS. QUE COISA,VEJAM SE ENTENDAM, É SIMPLES, É SO RESPEITAR A LEI MAGNA E PONTO FINAL!!!!

SEMPRE EM CIMA E COM MUITA SAÚDE: O NOSSO QUERIDO PRESIDENTE DA REPÚBLICA, JOSÉ MÁRIO VAZ QUE ESTÁ DE VISITA PRIVADA AS TERRAS DA DONA MARIA VAI SER RECEBIDO ESTA TARDE PELO SEU HOMÓLOGO PORTUGUÊS ANIBAL CAVACO SILVA.

CHINA ESTÁ DE PARABÉNS: PARA ALÉM DO LANÇAMENTO DA PRIMEIRA PEDRA HOJE PARA A OBRA DE CONSTRUÇÃO DO PALÁCIO DA JUSTIÇA (ATÉ JUNHO DE 2016), O EMBAIXADOR DESTE PAÍS ASIÁTICO HUANG WAH ANUNCIOU OUTROS DOIS IMPORTANTES PROJETOS PARA O PAÍS:

-- Construção de mais de 200 casas sociais e,

-- Iluminação solar das vias públicas de Bissau.

PETROLEO GUINÉ-BISSAU: ARRANCA PROSPECÇÃO SISMICA 3D NO BLOCO 5B

Devido aos encorajadores resultados da análise dos dados da prospecção a 2D conduzida durante o ano de 2013, a empresa Cap Energy acaba de anunciar que arranca já em Novembro uma campanha de aquisição de dados sísmicos a três dimensões, fazendo recurso a um navio apetrechado para o efeito.

Ver The Telegraph 

http://shares.telegraph.co.uk/news/article.php?id=4913704&epic=CAPP

NOVO PREÇO DOS DERIVADOS DE PETRÓLEO NO PAÍS:

-- Gasóleo............................... 705,00 Francos CFA/Litro

-- Gasóleo (EAGB)................. 523,06 Francos CFA/Litro

-- Gasolina............................... 708,00 Francos CFA/Litro

-- Petróleo/iluminação............... 498,00 Francos CFA/Litro

-- Gasolina Mistura.................... 577,00 Francos CFA/Litro

-- Fuel 380 (EAGB)................... 489,00 Francos CFA/Litro

Nota: em vigor desde 27 do corrente mês (Outubro 2014).

FORTE RESPONSABILIZAÇÃO AOS TÉCNICOS DE SAÚDE PELAS MORTES NOS HOSPITAIS, MARCA A ABERTURA DO ANO LETIVO 2014/2015 NA ESCOLA NACIONAL DA SAÚDE AQUI EM BISSAU:

Valentina Mendes, Ministra da Saúde foi muito longe nas acusações contra os técnicos de saúde:

1º - Elogiou: Que os técnicos de saúde são a elite de uma sociedade e,

2º - Acusou: Que os técnicos de saúde são responsáveis pelas mortes de mulheres e crianças que acontecem nos diferentes hospitais do país. A titular da pasta da saúde disse mais, "que depois das mortes, os responsáveis, ou seja os técnico de saúde, parecem serenos como se nada tivesse acontecido, como se da morte de uma galinha ou de um cão se tratasse". Valentina pediu mais responsabilidade no cumprimento do dever aos técnicos de saúde, já que, são eles que escolhem por convicção própria a profissão.

NOTA: Esta declaração pode ser um "Caso de Polícia".

MINISTRO DAS FINANÇAS AGRADECEU A UNIÃO EUROPEIA PELOS 20 MILHÕES DE EUROS

quarta-feira, 29 de Outubro de 2014

COMUNICADO DE IMPRENSA: GUINÉ-BISSAU E UNIÃO EUROPEIA ASSINAM PROGRAMA DE APOIO ORÇAMENTAL DE 20 MILHÕES DE EUROS

O Ministro da Economia e Finanças e Ordenador Nacional do Fundo Europeu de
Desenvolvimento, Dr. Geraldo Martins, e o Chefe da Delegação da União Europeia
na Guiné-Bissau, Embaixador Joaquín González-Ducay, assinaram hoje, 29 de Outubro,
o Programa de apoio orçamental urgente.

A União Europeia definiu, em conjunto com as autoridades nacionais, um programa de
apoio orçamental no intuito de responder às necessidades mais urgentes manifestadas pelo
Governo.

Este programa de apoio, orçado em 13,1 mil milhões de FCFA e ratificado com a assinatura
de hoje, vai incrementar a capacidade financeira do Governo para assegurar as funções vitais
do Estado e a prestação de serviços básicos à população nas áreas da saúde, da educação,
da agricultura e da administração pública. O programa inclui um montante de 1,3 mil milhões
de FCFA afectos a medidas complementares sob forma de assistência técnica a instituições
tais como o Ministério da Economia e Finanças e o Tribunal de Contas, cuja actuação
reveste particular importância na governação democrática e transparente da riqueza pública.

Além da aprovação pela Assembleia Nacional Popular da Lei das Finanças de 2014 e da
apresentação atempada da Lei de 2015, as autoridades da Guiné-Bissau engajaram-se a
perseguir uma política macroeconómica credível e orientada para a estabilidade e o
crescimento, bem como para a realização de reformas prioritárias na gestão das
finanças públicas.

A adopção de uma disciplina orçamental rigorosa, sujeita ao controlo pelos órgãos competentes,
e a disponibilização das informações orçamentais aos cidadãos são elementos significativos
deste programa. "A União Europeia quere acompanhar, assim, os esforços do Governo na
realização de reformas essenciais à governação democrática do país e ao seu desenvolvimento
económico e social, em linha com o seu programa", salientou o Embaixador González-Ducay,
"Estou convicto que a assinatura de hoje é apenas o primeiro acto de uma continua e frutuosa
colaboração entre a União Europeia e o Governo democrático de uma Guiné-Bissau moderna,
engajada na construção do seu futuro".

Bissau, 29 de Outubro de 2014

" FALTA DE CHUVA PODERÁ CONDUZIR A UM MAU ANO AGRICOLA" RESPONSAVL DA METEROLOGIA

O Progresso Nacional considera que isto é devido as mudanças climáticas e por
isso todos os cidadãos do mundo terão que fazer um esforço no sentido de preservar
a nossa natureza.

COMUNICADO DE IMPRENSA: MISSÃO PARA A FORMULAÇÃO DOS PLANOS DE TRABALHOS DA GUINÉ-BISSAU NO QUADRO DO PROJECTO DE REFORÇO DAS INSTITUIÇÕES SUPERIORES DE CONTROLO, PARLAMENTOS E SOCIEDADE CIVIL PARA O CONTROLO DAS FINANÇAS PÚBLICAS NOS PALOP E EM TIMOR-LESTE

No quadro do Projecto "Reforço das Competências Técnicas e Funcionais das Instituições
Superiores de Controlo, Parlamentos Nacionais e Sociedade Civil para o controlo das finanças
públicas nos PALOP e em Timor-Leste" (Pro PALOP-TL ISC) realiza-se em Bissau, entre o
dias 27 de Outubro e 14 de Novembro do corrente ano, uma missão para formulação dos Planos
de Trabalho Anuais da Guiné-Bissau para o período 2014-2016.

Trata-se de um projecto inteiramente financiado pela União Europeia com um montante total de
4,2 mil milhões de FCFA (6,4 milhões de EUR) com acções a serem realizadas e financiadas em
todos os PALOP e em Timor-Leste. O projecto é administrado pelo Programa de Nações Unidas
para Desenvolvimento (PNUD) e visa o reforço das capacidades de controlo externo dos Tribunais
de Contas e de fiscalização parlamentar das contas públicas, bem como a promoção da participação
pública mais informada no processo orçamental.

A missão estará em Bissau por um período de três semanas, devendo encontrar-se com o Tribunal
de Contas, com a Assembleia Nacional Popular, com o Ministério das Finanças e com as Organizações
da Sociedade Civil. Os encontros de trabalho permitirão identificar um conjunto de acções de formação
e de reforço de capacidades em resposta a necessidades específicas dos mesmos, tendo em conta as prioridades estratégicas das instituições nacionais para o período 2014-2016.

OFERTA DE MADEIRA COM ORIGEM NA GUINÉ-BISSAU ESTÁ NUM DOS MAIOS SITES DE VENDA DE MADEIRA DO MUNDO

Estão em causa mais de 23 000 MT de madeira a 700$ cada MT, são maus de
16 .000.000 $. Muito dinheiro enevolvido.

VEJA AQUI

Sell

We sell timber logs woods

ID 331658
Specification for Kosso

Commodity: Pterocarpus Erinaceus(Local Name Kosso,other name Rosewood)

Country of Origin:Guine-Bissau.

Dimension:Square Log Wood.

Measurement:Measure at the smallest point of each piece

Thickness:35cm & up

Width:35cm & up

Length:250, 230

Quality:Log wood and cut straight without major hole and dent.



Specification for Doussie

Commodity:Pericopsis elata (Local Name Afzelia africana,other name Pou Cunta)

Country of Origin:Guine-Bissau.

Thickness,Width,Length,Measurement:As per buyers demands

Quality:Log without major hole and dent.

MAIS UMA OBRA DE VULTO SERÁ REALIZADA NOS PRÓXIMOS TEMPOS EM BISSAU: TRATA-SE DA OBRA DE CONSTRUÇÃO DO "PALÁCIO DA JUSTIÇA" CUJA CERIMÓNIA DE LANÇAMENTO DA PRIMEIRA PEDRA ESTÁ AGENDADA PARA AMANHÃ, DIA 30 EM BRÁ, AO LADO DO PALÁCIO DO GOVERNO. PARABÉNS GUINÉ-BISSAU

Ficha Técnica:

Área de Construção: 9.550 m2

Área a Construir: 6.650 m2

Custo Total da Obra: aproximadamente 14.500.000 USD

Financiamento: Governo da China

Inicio da Obra: Outubro de 2014

Duração da Obra: 20 meses

Empresa Executora: Jiangsu Jiangdu Cosntrution Group Co, Lda

Fiscalização: Ministério das Obras Públicas, Construções e Urbanismo/Direção-Geral de Habitação e Urbanismo.

Na cerimónia de lançamento da 1ª Pedra, vão discursar, de acordo com o programa:

 -- Presidente da República (ausente do país) ou Primeiro-ministro


-- Ministro das Obras Públicas,

-- Presidente da Câmara Municipal de Bissau,

-- Embaixador da China no país.

MORREU PRESIDENTE ZAMBIANO



O Presidente zambiano, Michael Sata, morreu aos 77 anos terça-feira à noite em Londres, no Reino Unido, onde estava a ser tratado por uma doença não precisada, anunciou o secretário-geral do Governo, Roland Msiska, num comunicado lido nas ondas da Rádio Televisão Pública (ZNBC) em Lusaka.

O comunicado não precisa a personalidade que deve assegurar a Presidência interina antes da organização de eleições presidenciais antecipadas dentro de 90 dias, como previsto pela Constituição zambiana.

O Governo reúne-se à porta-fechada e deverá designar o Presidente interino que poderá ser o Vice-Presidente Guy Scott, apesar de outras fontes indicarem o atual Presidente interino, Edgar Lungu.

Edgar Lungu, igualmente ministro da Defesa e Justiça, assegura a Presidência interina desde a partida de Michael Sata para o Reino Unido para tratamento médico e o defunto Presidente nunca designou Guy Scott para o substituir quando saia do país.

Alguns ministros desejam que Edgar Lungu continue a ocupar o cargo de Presidente interino, considerando que não seria do interesse do partido no poder que Guy Scott, que não poderá disputar a Presidência em caso de eleições antecipadas, assegure a Presidência interina já que no quadro da Constituição atual apenas uma pessoa cujos dois pais nasceram na Zâmbia pode ser candidata às presidenciais e Guy Scott tem origens escocesas.

Os rumores sobre o estado de saúde do Presidente Sata circulavam desde o mês de junho quando ele desapareceu do espaço público.

O Presidente Sata, que deixou o país há 10 dias com a Primeira Dama e membros da sua família, não assistiu às celebrações do 50º aniversário da ascensão à independência da Zâmbia na sexta-feira passada.

Denominado « King Cobra » na Zâmbia pelas suas declarações virulentas, Michael Sata era o quinto Presidente da Zâmbia e foi eleito em setembro de 2011.

É a segunda vez que um Presidente em exercício morre na Zâmbia. O Presidente Levy Mwanawasa faleceu enquanto ocupava o cargo em agosto de 2008.

Fonte: Panapress